terça-feira, 1 de novembro de 2011

Tarô, Ocultismo e Esoterismo (Por Mário Sérgio Cortella, 2008)


Essa é uma entrevista de grande qualidade mediada por Mário Sérgio Cortella realizada com Sérgio Padovan (Arhan) tarólogo e pesquisador ocultista, Silas Guerriero, mestre e doutor de antropologia e professor do núcleo de ciências da religião da PUCSP e autor do livro “Magia existe?” e Fábio Quioce, jornalista da Folha de São Paulo. A entrevista passa no quadro Conversas Impertinentes” da PUCSP e do SESCTV. 

Inicialmente, conversam sobre a diferença de esoterismo e exoterismo do ponto de vista conceitual, a estrutura do hermetismo e sua relação do tarot e sua relação com o ocultismo. Silas Guerriero comenta sobre a história da magia e como o estudo da ciências da religião trata do tema da magia do ponto de vista acadêmico. Debatem o conceito de “ciência” bem como e “ciências ocultas” citando Eliphas Lévi, bem como Fábio Quioce também questiona sobre o papel do oculto. Arhan defende seus conceitos de livre arbítrio e destino, julgando serem conceitos separáveis e sendo impossível a crença em ambos os conceitos ao mesmo tempo, por serem contraditórios por natureza, também comentando ao longo do programa um pouco da sua própria experiência no campo do o culto e no campo das ciências exatas. 

Mais tarde relacionam o simbólico e a psicanálise do mundo contemporâneo interligando-os à magia e a feitiçaria. No que toca às possibilidades de erro do tarot, Arhan também comenta sobre a questão da probabilidade e o uso do tarot na vida pessoal. A entrevista seguir-se-á de modo muito interessante, cabendo aqui dar somente introduções sobre uma infinidade de assuntos que serão tratados com seriedade e respeito.

Para assistir: Parte 1Parte 2Parte 3Parte 4Parte 5Parte 6Parte 7 e Parte 8, totalizando cerca de 70min. Pelo Youtube. 

Veja aqui os outros documentários do blog.

Nenhum comentário: